http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/93e048c28deae8015adbfe8c96fbefa9.jpg


Promoções

http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/434f3e7f97922e2f13bb52752bc86f56.jpg








Enoblogs - blogs unidos pelo vinho

Braida, a Barbera à enésima potência

A Barbera há 50 anos não era mais do que uma gata borralheira no universo dos vinhos do Piemonte, Itália. Uma uva banal para vinhos sem ambição e elegância. E teria continuada assim por muito tempo não fosse o fato de que um enólogo de talento e visão, Giacomo Bologna, apelidado de Braida, se dispusesse em transformar a uva de vinhos rudes e simplórios em nobre casta capaz de elaborar vinhos excepcionais, elegantes, estruturados, sedosos e cativantes. Giacomo ou Braida fundou a vinícola em 1961 e a transformou em é uma das vinícolas líderes do Piemonte com o propósito de fazer vinhos com a Barbera com a mesma qualidade e finesse dos tintos da Borgonha. Para celebrar os 50 anos de La Monella, o primeiro vinho de Braida, veio a convite da Expand (sua importadora há 15 anos) Giuseppe Bologna, o filho. Braida tem hoje 43 hectares de vinhedos, dentre eles 27 hectares dedicados à Barbera.

 

Desde 1994, Giuseppe, o filho, assumiu o trabalho de enólogo após o falecimento de seu pai em 1990, a irmã Raffaella, o marketing e a mãe, Anna, a direção geral. Braida continuou a investir com seriedade e humor. Seus vinhos têm nomes sugestivos como La Monella, menina levada no dialeto piemontês, ou Il Bacialé, o casamenteiro.

La Monella DOC 2009 é um Barbera alegre e fresco para o dia a dia com um toque frisante na boca e frutas vermelhas no nariz. De uma simplicidade absolutamente cativante! E Il Bacialé DOC 2008 é o vinho dos sonhos de Giuseppe que ali celebrou a união feliz da Barbera com outras castas. É um blend feliz e harmonioso de Barbera, 60%, Pinot Noir 20%, Cabernet Sauvignon 10% e Merlot. A Braida ainda produz o Il Monello Barbera del Piemonte DOC 2007 – menino levado – especialmente para os mercados brasileiro, britânico e sueco. Seus vinhos são elegantes, harmônicos e o uso da madeira é feito com maestria de modo a não encobrir a fruta. Em Braida, a Barbera é elevada à enésima potência. Importação Expand.

Braida, a Barbera à enésima potência 
Braida, a Barbera à enésima potência
Array
Braida, a Barbera à enésima potência
Array
Braida, a Barbera à enésima potência




Sobre o vinho e gastronomia Anúncie Segurança e Privacidade Trabalhe na V&G Comunicar Erros Redes Sociais Fale Conosco