http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/93e048c28deae8015adbfe8c96fbefa9.jpg


Promoções

http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/67dd6359d5ca9d6d89ab39f98880b956.jpg








Enoblogs - blogs unidos pelo vinho

Tasca d’Almerita

Alberto Tasca é um conde que não vive no passado, mas sim bem à frente de nosso tempo. Além disso, não tem medo de trabalho e vem imprimindo um ritmo moderno e inovador na vinícola da família, a siciliana Tasca d’Almerita. Alberto Tasca esteve no Brasil na semana passada, a convite da Mistral, sua importadora para falar de seus vinhos. Tasca d’Almerita é uma empresa familiar, fundada em 1830 e Alberto Tasca é representante da 8ª geração.

 

Tasca d’Almerita é conhecida como uma vinícola com um olho na modernidade e outro na tradição. Foi a primeira vinícola da Sicília a introduzir as castas francesas como Cabernet Sauvignon e Chardonnay na Sicília em 1984. E também a primeira a valorizar as castas nativas como a Nero d’Avola. Não é a toa que a Wine Enthusiast aponta Tasca d’Almerita como “a Sicília do século XXI”. Uma companhia familiar com um forte DNA de inovação, nas palavras de Alberto Tasca. Experimentam, testam e provam. A Sicília, tampouco, é uma terra uniforme. Pelo contrário, apresenta grande variedade de terroirs, solos e mais de 40 castas nativas! Há vinhedos perto do vulcão Etna, perto da costa, nas montanhas, nos vales... O estilo de Tasca d’Almerita consiste em tentar entender o potencial e o que cada lugar tem a oferecer, usando o conhecimento que a vinícola tem em oposição a vinícolas administradas por frandes corporações que fazem sempre a mesma coisa em qualquer lugar.

 

Alberto Tasca assumiu a vinícola e desenvolveu duas linhas distintas de vinhos: uma de vinhos exuberantes e modernos como o Cygnus Nero d’Avola Cabernet Sauvignon 2007ou o Tasca d’Almerita Cabernet Sauvignon 2005. A outra de vinhos tradicionais, de corte Velho Mundo, como Regaleali Nero d’Avola 2008, um vinho muito fino e elegante feito de Nero d’Avola e que acompanhou o Risoto de Paio da chef Bel Coelho (DUI) muito bem e com muito gosto... Regaleali é o nome da propriedade onde se fazem os vinhos da Tasca d’Almerita.

Seus vinhos mais modernos ou tradicionais têm algo em comum: são “o ponto fora da curva”, fogem da mesmice e, independentemente de serem mais Novo ou mais Velho Mundo, são sempre elegantes. Provavelmente porque Alberto Tasca manteve a proposta do Conde Giuseppe Tasca d’Almerita, falecido no final do século passado, que não queria produzir vinhos “para mastigar, e sim que sejam agradáveis e bebíveis, com fluidez e elegância”.
Segundo Alberto Tasca, a Sicília é a região de maior potencial e valor vinícola pelas suas castas. E é uma proeza que a Tasca d’Almerita consiga fazer vinhos tão elegantes numa região que produz vinhos tão potentes como os do Novo Mundo.

 

A destacar o Cygnus Nero d’Avola Cabernet Sauvignon 2007 que recebeu 91 pontos do crítico Robert Parker. É moderno, repleto de fruta, fresco com aromas de fruta seca, menta (que vem da Cabernet Sauvignon) e aromas florais de rosas vermelhas apaixonadas (que vêm da Nero d’Avola). Um vinhaço! O Sallier de la Tour Syrah 2008 é uma novidade saborosíssima da Tasca d’Almerita, redondo, mineral de excelente relação preço qualidade. Um vinho fácil de beber, de gostar e de pagar. Com o Carré de cordeiro ao molho mostarda dijon e riso al salto com mandioquinha da chef Bel Coelho foi uma alegria gourmet.
Para os amantes de brancos, como eu, a recomendação é o Nozze d’Oro 2008, sedoso e redondo na boca, aromas frutados e muita finesse. Corte de Inzolia e Sauvignon Blanc (22%), encontrada na região desde 1830, comemora as bodas de ouro de Giuseppe Tasca d’Almerita.

 

O late harvest Malvasia di Salina Capofora 2008 é um vinho de sobremesa (mas acompanha foie gras também) feito com a uva Malvasia passificada, presente na ilha Salina desde 588 AC. Apresenta um belo equilíbrio de acidez e açúcar, mineralidade e muito prazer.

Alberto Tasca está muito orgulhoso do novo projeto, o Tascante (Tasca + Etna ao contrário). Eles têm terras em 5 diferentes lugares da Sicília e o novo projeto perto do vulcão Etna é fantástico. O Nerello Mascalese é totalmente diferente ali do que em outras regiões da Sicília! Confira no vídeo. Importação da Mistral www.mistral.com.br

Tasca d’Almerita
Tasca d’Almerita
Array
Tasca d’Almerita
Array
Tasca d’Almerita
Array
Tasca d’Almerita
Array
Tasca d’Almerita




Sobre o vinho e gastronomia Anúncie Segurança e Privacidade Trabalhe na V&G Comunicar Erros Redes Sociais Fale Conosco