http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/93e048c28deae8015adbfe8c96fbefa9.jpg


Promoções

http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/0ebfed7b22d146d4cabdd13b7eb9dafc.jpg








Enoblogs - blogs unidos pelo vinho

O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!

O que as planícies sossegadas do Alentejo têm a ver com o frenesi dos Jardins? O casamento mais que perfeito dos vinhos de João Portugal Ramos, vinhos da mais pura cepa portuguesa, com a cozinha brasileiríssima do restaurante DOM do chef Alex Atala.

João Portugal Ramos, enólogo e proprietário da vinícola que leva seu nome, adota padrões de excelência de viticultura e vinificação unidos à imensa diversidade de castas portuguesas do Alentejo. Vinhos modernos, elegantes e saborosos feitos de uvas com nomes desconcertantes como arinto, gouveio, roupeiro, trincadeira. Os brancos são secos, frescos e de boa estrutura como o Marquês de Borba branco e aromáticos, secos e sedosos como o Vila Santa, dois alentejanos que provam que o Alentejo é capaz de fazer vinho branco de qualidade. Os tintos têm estrutura e são sedosos como o Marquês de Borba Tinto 2007 da linha básica – de excelente relação preço qualidade: maduro, elegante com um toque floral, corte de trincadeira, aragonês, alicante bouschet, syrah e touriga nacional. Por R$ 50 na Casa Flora, a importadora de João Portugal Ramos e uma das que oferece vinhos ao melhor preço de mercado.

Mas vamos ao desafio. O Marquês de Borba Branco que já brilhava como aperitivo, acompanhou bem a Pupunha fresca com vieiras e molho de coral. A acidez da pupunha casou bem com o caráter cítrico e mineral deste Marquês de Borba Branco.
Harmonia mais-que-perfeita se deu entre o Vila Santa Branco 2008 (corte de arinto, verdelho e antão vaz, fermentado em barrica) com o inspirado Arroz negro levemente tostado com legumes verdes e leite de castanha do Pará do chef Alex Atala e também com o Fettuccine de palmito na manteiga e sálvia, queijo parmesão e pó de pipoca.

O Vila Santa Tinto, corte de aragonês, trincadeira, alicante bouschet e cabernet sauvignon fez bonito com a Raia na manteiga de garrafa e tomilho limão com mandioquinha defumada, brócolis e espuma de amendoim – divina e divino ambos!!

Com o Stinco de cordeiro com canjiquinha foi a vez do Marquês de Borba Reserva 2008 fazer bonito! É um tinto que passa 12 meses em barrica e mais 6 meses afinando em garrafa. Casamento de puro prazer e harmonia.

O Duorum Reserva 2007 Vinhas Velhas foi o par perfeito do Javali com Toffee e saiu-se bem com o Aligot, um prato tradicional no DOM, que não se pode deixar de provar. Uma festa para os olhos (pois é montado à sua frente) e para o paladar. O Duorum é um projeto de dois enólogos João Portugal Ramos e de José Maria Soares Franco para produzirem vinhos do Douro de características únicas e de dimensão internacional.
Para finalizar, a sobremesa deliciosa Torta Fondant de chocolate ao creme de café compôs uma dança sensual e cativante com o Porto Duorum Vintage 2007. Um espetáculo sofisticado para gourmets e amantes do vinho.

Segundo o mestre Mário Telles, do lado de quem eu estava afortunadamente sentada, o grande mérito de Portugal é a redescoberta das variedades. Seus vinhos de corte são maravilhosos, porque seus enólogos estudaram muito para chegar à compreensão de suas castas. À diferença da Itália que abraçou as castas francesas (merlot, chardonnay, cabernet sauvignon) e relegou as autóctones ao segundo plano (e somente agora voltam a elas), Portugal soube compreender e valorizar suas castas autóctones e trabalhar com as castas internacionais sem se render à globalização. Conversei sobre isto com João Portugal Ramos, cujos vinhos atestam seu engenho e arte no trato do que é próprio de Portugal e do que é internacional. Seus vinhos – equilibrados, de grande finesse e elegância – têm a identidade e o DNA de onde vêm.

Os vinhos de João Portugal Ramos são importados pela Casa Flora. www.casaflora.com.br

O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!
Array
O Alentejo de João Portugal Ramos e o Brasil de Alex Atala: o desafio!!




Sobre o vinho e gastronomia Anúncie Segurança e Privacidade Trabalhe na V&G Comunicar Erros Redes Sociais Fale Conosco