http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/93e048c28deae8015adbfe8c96fbefa9.jpg


Promoções

http://vinhoegastronomia.com.br/userfiles/0ebfed7b22d146d4cabdd13b7eb9dafc.jpg








Enoblogs - blogs unidos pelo vinho

Philippe Bouchard Chablis Villages AOC 2008

Aviso aos navegantes, ops, aos amantes do vinho. Se você pertence ao 0,01% dos amantes de vinho que conhecem bem a Borgonha, pode saltar o próximo parágrafo.

 

Há duas verdades sobre a Borgonha. A primeira verdade é a de que assim como não existe almoço grátis, tampouco existe Borgonha bom e barato. A segunda verdade é a de que os vinhos da Borgonha, por serem vinhos europeus, têm uma acidez superior aos modernos vinhos do Novo Mundo e, portanto, são grandes companheiros das refeições. E os brancos da Borgonha, em especial, têm uma acidez , uma austeridade que pede, exige comida.  Há duas uvas principais na Borgonha, a branca é a chardonnay que todos conhecemos na versão edulcorada e amadeirada do Novo Mundo e a outra é a pinot noir. A chardonnay da Borgonha é um vinho austero, com notas cítricas e fresco. Um vinho que não se entrega de imediato, mas é cativante e tem grandes admiradores.

Os brancos de Chablis vêm de uma região fria mais ao norte da Borgonha. Isto quer dizer, a uva não é super madura e portanto tem pouco açúcar. Os vinhos de Chablis se dividem em 4 zonas de appellations agrupadas em suas 20 comunidades: Petit Chablis, Chablis Villages, Chablis 1er Cru e Chablis Grand Cru.

 

Philippe Bouchard Chablis Villages AOC 2008 é um borgonha seco,  austero, muito mineral, tenso e fresco com notas cítricas como grapefruit e limão.

Harmoniza com embutidos, escargots, frutos do mar,ostras, presuntos, queijos de cabra, queijos frescos, queijos tipo gruyère. R$112 na Vinea.

 

 

 





Sobre o vinho e gastronomia Anúncie Segurança e Privacidade Trabalhe na V&G Comunicar Erros Redes Sociais Fale Conosco